Refúgio urbano

Projeto com um programa misto de residência e local de trabalho desenhado pelo escritório Berzero Jaros em Córdoba, Argentina.

Fotografia Federico Cairoli

O terreno de 9 x 16 metros sobre o qual o projeto foi realizado, com um programa misto de residência e local de trabalho, encontra-se no limite da área central da cidade de Córdoba, próximo ao córrego La Cañada. A intervenção apostou na renovação da malha urbana a partir de um dos muitos espaços residuais existentes na cidade.

Fotografia Federico Cairoli
Fotografia Federico Cairoli

O lote era utilizado como um galpão de estacionamento que ocupava quase toda a superfície. Para otimizar a área do exíguo lote, o projeto foi desenhado em corte, organizando o programa em três andares sobrepostos.

Térreo
Primeiro andar
Segundo andar

A primeira operação trabalhou sobre a pré-existência, criando dois pátios, um na frente e outro nos fundos, que definem uma sequência de espaços no térreo e determinam a área de trabalho – um escritório de arquitetura –, favorecendo a ventilação cruzada e uma boa iluminação sem incidência de luz direta. Um dos extremos da planta abriga um núcleo de serviço com uma cozinha, um banheiro e um depósito, conferindo independência funcional a este setor. No primeiro andar fica a área social da residência: o espaço integra cozinha, sala de estar, sala de jantar e um terraço orientado para o norte.

Fotografia Federico Cairoli

No último andar se encontra o dormitório, um ambiente aberto que libera espaço para um pé-direito duplo sobre a sala de estar, permitindo uma possível ampliação no futuro para acrescentar até dois novos dormitórios e um banheiro.

Adotou-se um sistema construtivo misto para o refúgio: no térreo, que herdou a estrutura tradicional de laje de concreto e parede de tijolo do galpão pré-existente, somaram-se duas vigas de concreto armado para receber as cargas do novo volume superior, que foi construído inteiramente a seco.

Corte

O muro de fechamento do terreno foi construído com uma parede de tijolos incomum. Cada bloco cerâmico foi cortado em três partes iguais, possibilitando construir uma parede de menor espessura, o que otimiza o uso do material e permite a incidência de luz solar. O invólucro perfurado de 7,8 metros de altura e 11 centímetros de espessura confere identidade ao projeto, gera privacidade e cria uma atmosfera doméstica para o setor interno.

O Refugio Urbano de Berzero Jaros foi publicada na PLOT 45 juntamente com o Ateliê de Madeira na matéria Três Estúdios de Córdoba que inclui também obras dos escritórios BLT Arq (Casa AS, Casa TN) e Alarcia Ferrer (Estábulos, Casa FM)

Clique aqui para assinar a PLOT com um 20% de desconto e envio grátis!