Casa na Estrela

Aires Mateus

Fotografia João Guimarães

A casa situa-se numa linha de festo da cidade de Lisboa, olhando a Basílica da Estrela de um lado e o rio do outro. A casa, com um extenso programa, obriga a existência de dois circuitos, um interno e outro externo, alternados, facilitando a independência da vida entre os pais e os filhos.

Fotografia João Guimarães

A casa é toda construída em concreto aparente, interior e externamente, recuperando a forma tradicional de uma casa na rua.

Corte-vista posterior / Vista frontal
Cortes longitudinais

Uma transparência horizontal liga o jardim com a rua, ao nível da sala. O quarto principal abre-se para um espaço de pé-direito duplo, externo, que condiciona a vista deste sobre o jardim.

O pavimento dos quartos dos filhos abre-se para um lado, como corredor, e para outro como varanda.

No primeiro andar encontra-se a área social destinada aos pais, conectada com o jardim que se enlaça visualmente com a rua através de uma grande abertura horizontal envidraçada, na parte posterior da casa, no nível inferior.

Fotografia João Guimarães

A sala superior é o terraço, espaço que olha através da abertura causada pela intersecção de um cilindro na cobertura, e que desenha a vista para os dois lados. A piscina, em forma de taça, no terraço, comprime a cobertura da sala, organizando o espaço.

Fotografia João Guimarães

A Casa na Estrela foi publicada em detalhe na PLOT 42 juntamente com três obras recentemente realizadas pelo escritório Aires Mateus: Casa em Monsaraz, Faculdade de Arquitetura de Tournai e Centro de Convívio de Grândola.

Open chat