Second Dome

Concebido pelo DOSIS, o projeto de arquitetura inflável foi construído para incentivar a interação social.

Fotografia Iwan Baan

O DOSIS, escritório fundado por Isabel Collado Baíllo e Ignacio Peydro Duclos, define-se como um “laboratório de processos criativos que aposta na superação dos limites do entorno construído através de soluções arquitetônicas inovadoras”. O resultado final das suas obras reflete uma tendência à experimentação atravessada por uma série de variáveis que transcendem os requisitos programáticos básicos. Para o DOSIS, cada projeto é uma nova oportunidade de explorar metodologias, estratégias e soluções – sempre vinculadas à tecnologia –, além de estruturas e fatores relativos ao meio ambiente.

Fotografia Atlas Drones

Com essas premissas nasce Second Dome, um espaço que se ativa com o ar, uma estrutura viva que respira e funciona como refúgio para as necessidades dos cidadãos em um determinado momento. Quando dobrado, ocupa poucos metros cúbicos e pesa apenas uma tonelada, o que lhe permite ser transportado com facilidade para onde for necessário.

Uma vez aberto e inflado, o domo pode alcançar uma superfície de mais de 300 metros quadrados e superar os oito metros de altura.

Planta
Corte
Opções de configuração

O Second Dome foi concebido para incentivar a interação social em múltiplos tempos e espaços. O espaço-tempo é dominado com naturalidade mediante um esforço mínimo e a presença instantânea dessa instalação estimula o que, sem ela, seria simplesmente um espaço latente inativo.

Com um mínimo de energia, o espaço se transforma em uma paisagem arquitetônica viva, um provocador de atividades, uma ágora. Quando desinflada, a estrutura fica à espera de um novo uso, uma experiência provavelmente diferente da anterior.

Fotografia DOSIS
Fotografia DOSIS
Fotografia Iwan Baan

Ao longo de poucas semanas, o Second Dome funcionou como espaço de discussão sobre empreendimento e tecnologia no Founders Forum de Londres e como espaço de ócio e interação para famílias e crianças no leste da cidade. No futuro, planeja-se utilizá-lo como centro de bem-estar físico – para a prática de pilates ou ioga –, ou como sede de diversos festivais culturais de cinema e literatura. Entretanto, os seus próximos usos somente serão revelados com o passar do tempo.

Fotografia DOSIS
Fotografia DOSIS

O projeto do DOSIS foi publicado em conjunto com outras obras que exploram diferentes possibilidades espaciais através da arquitetura inflável na matéria “A forma do ar”, na PLOT 45!

 

Clique aqui para assinar a PLOT com um 20% de desconto e envio grátis!

Arquiteto principal , , , , , , , , , , , , , , , , , . , . , , , .

Colaboradores  Luis Núñez, Irene Gigirey, Arantxa Fernández, Bruno Canales

Área 315 m2 (coberta)

Localização Londres, Inglaterra

Ano  2016

Construção  Arquitextil. Lastra & Zorrilla

 

Fotografia  Iwan BaanAtlas Drones, DOSIS

Compartilhar